As Mães de Chico Xavier

Essa é a terceira obra para as telonas que encerra as comemorações do centenário do médium mais famoso do Brasil, completando a trilogia com Chico Xavier e Nosso Lar. Com um foco difente dos primeiros filmes, essa história acompanha a vida de três mães que perderam pessoas muito importantes em suas vidas e buscam consolo nas cartas recebidas através de Chico Xavier.

Ruth (Via Negromonte, de Cabeça a Prêmio), Elisa (Vanessa Gerbelli, de Carandiru e A História de Ester) e Lara (Tainá Müeller) vão buscar acalento para seus sofrimentos através da ajuda de Chico Xavier (Nelson Xavier, de Chico Xavier e Sonhos Roubados) e os conselhos preciosos poderão mudar suas vidas para sempre. A história de ambas são acompanhadas por Karl (Caio Blat, de Bróder e Histórias de Amor Duram Apenas 90 Minutos) um jovem repórter que decide escrever sobre o médium.

Muito mais que mostrar mais uma parte da história deste ícone, o filme almeja trazer uma mensagem de paz e conforto para todos que o assitam, um verdadeiro retrato da lição de vida deixada pela obra de Chico Xavier. Detalhes primorosos nas cenas, uma abordagem que nos leva ao íntimo das personagens permitindo-nos participar do sofrimento de perda e depois do conforto recebido através das cartas psicografadas.

As Mães de Chico Xavier‘ (2011) é um filme que merece nossa atenção, não apenas para assistí-lo no cinema, mas para fazer parte do hall dos filmes que nos orgulhamos em sugerir aos amigos. Sugestão para incluí-lo em sua videoteca.

Comente este artigo