Uma Professora Muito Maluquinha

Inspirado na personagem do cartunista Ziraldo, Uma Professora Muito Maluquinha é vivida por Paola Oliveira (de Entre Lençóis e Budapeste), como a Catharina, a jovem professora que não quer ser chamada de Dona, mas sim como Cate. Agora com 18 anos, ela volta à sua cidade natal para morar com sua tia Cida (Suely Franco). Seu tio, o Monsenhor Félix (Chico Anysio, de Se Eu Fosse Você 2) cuida de sua cidade com alegria e está prestes a transferir seu cargo para seu sucessor, o Padre Beto (Joaquim Lopes), também seu sobrinho.

Cate chama atenção de toda a cidade com sua beleza, principalmente dos rapazes como Pedro Poeta (Rodrigo Pandolfo), Mário (Max Fercondini, de O Maior Amor do Mundo), Carlito (Cadú Favero, de Assalto ao Banco Central) e Rodolfo Valentino (Ricardo Pereira). Mas é sua forma de ensinar seus alunos começa a incomodar as outras professoras mais experientes e conservadoras. Afinal, nas Minas Gerais da década de 40, os costumes ainda eram bem rígidos e a criatividade não era vista com bons olhos. Um exemplo do amor e carinho pela arte de ensinar, o filme retrata numa linguagem leve e gostosa a excência das histórias contadas por Ziraldo em seus quadrinhos.

Comente este artigo