Amor Impossível

O Dr. Alfred Jones (Ewan McGregor, de O Escritor Fantasma e A Ilha) é um especialista em peixes e, além disso, adora pescar e conhece bem as técnicas do esporte. Harriet (Emily Blunt, de As Viagens de Gulliver e A Jovem Rainha Vitória) é uma executiva de uma empresas de administração de investimento e um de seus principais clientes, o xeque Muhammed (Amr Waked, de Syriana: A Indústria do Petróleo), está decidido a realizar um grande investimento e algo claramente visto como impossível.

 

O xeque também é apaixonado por pesca e um excelente praticante, principalmente na pesca do salmão. Seu ambicioso projeto é levar o salmão para o Yemen, um país desértico e quente do Oriente Médio. Disposto a gastar o que for necessário para isso, Harriet é a responsável por viabilizar esse projeto. Harriet faz contato com Alfred e faz a proposta para que ele aceite o processo. Apesar de não conseguir negar que seria possível, mas apenas teoricamente possível, ele realiza um orçamento absurdo, mas ao contrário do que imaginava, isso não evita que o xeque o contrate para essa missão.

Enquanto isso, as notícias de violência no Oriente Médio relacionadas à participação do exército inglês preocupa o governo. Maxwell (Kristin Scott Thomas, de O Invencível Largo Winch e De Bico Calado) é a acessora de imprensa do Primeiro Ministro e para desviar a atenção da opinião pública, aproveita o ambicioso projeto do xeque Muhammed para gerar uma parceria do governo inglês em auxílio ao Yemen. Como Alfred é um cientista funcionário público, é destacado para a missão, mesmo contra sua vontade e pouca fé de que pode cumprí-la, o que presume também acabará com sua reputação na comunidade científica.

 

Só que a convivência de Alfred e Harriet, além da companhia do Xeque, fará com que suas suposições sobre a própria ciência e a fé, da qual se posiciona radicalmente cético, poderá mudar levando de carona sua vida e a rotina que nela se arrasta por anos. Um filme com uma lição de vida inesperada, ‘Amor Impossível‘ (Salmon Fishing in the Yemen-2011) é dirigido por Lasse Hallström (Querido John e Chegadas e Partidas) em uma produção inglesa primorosa e divertida.

Comente este artigo