Robocop

Em 2.028, Alex Murphy (Joel Kinnaman, de Protegendo o Inimigo e A Hora da Escuridão) é um policial dedicado e tem um jovem filho com a esposa Clara (Abbie Cornish, de 7 Psicopatas e 1 Shih Tzu e Sem Limites). Numa de suas missões seu parceiro Jack Lewis (Michael K. Williams, de O Acordo e 12 Anos de Escravidão) é violentamente atacado. Alex parte com sede de vingança contra os agressores. Mas o que ele não podia prever, é que o crime em sua cidade está praticamente fora de controle e ele sofre um terrível atentado e seu futuro está prestes a mudar, radicalmente.

Robocop-01 Joel Kinnaman

Em um programa de televisão o uso de máquinas robóticas e incentivado pelo apresentado Pat Novak (Samuel L. Jackson, de Encontro Maligno e Jogos do Crime), criticando uma lei americana que proíbe a iniciativa que já deu certo em outros países violentos e à beira do caos. O presidente da OmniCorp, Raymond Sellars (Michael Keaton, de Jackie Brown e Vozes do Além) decide que um novo projeto misturando máquina e homem pode cativar a opinião pública. Para o projeto é nomeado o cientista Norton (Gary Oldman, de Conexão Perigosa e Os Infratores), um especialista em próteses robóticas, nasce então o policial do futuro: Robocop.

Robocop-03 Robocop-04

Alex Murphy tem sua consciência retomada em um corpo robótico com força e eficiências melhoradas. Graças aos implantes computadorizados, suas reações recebem ajuda de cálculos estatísticos avançados, tornando suas ações muito mais eficiências. Aliados à experiência do policial e as reações humanas esperadas pela população, o projeto pode ser considerado um sucesso. Mas a necessidade de encontrar os responsáveis por trás de sua atual condição, pode colocar o futuro do projeto e da própria OminCorp em risco, e a vida de Alex toma um rumo incerto.

Robocop-05 Robocop-06

Depois do clássico de ficção científica da década de 1.980, ‘Robocop‘ (2014) retorna às telas numa nova montagem aos olhos do diretor brasileiro José Padilha, consagrado pelo sucesso em Tropa de Elite e Tropa de Elite 2: O Inimigo Agora É Outro. Com uma visão que vem marcando seus filmes, com violência, corrupção e muita ação, o diretor atualiza a leitura de uma nova proposta de polícia do futuro, onde homem se funde à máquina para tornar-se a arma perfeita no combate ao crime.

Comente este artigo