Os Oito Odiados – Quentin Tarantino tem seu lugar garantido junto ao público

Quentin Tarantino tem seu lugar garantido junto ao público e seus filmes quase sempre estão nas indicações para o Oscar.

Quem não se lembra do sucesso de “Bastardos Inglórios” (1 Oscar) ou de “Django Libre” (2 Oscar).

Agora o conhecido diretor nos entrega “Os Oito Odiados” , mais um filme forte, ganhador do Oscar de Melhor Trilha Sonora e que, sem dúvida, deveria ter sido indicado por Melhor Roteiro Original.

osoitoodiados

A história é tensa, com a marca de Tarantino, e com um elenco de primeira linha, entre Samuel L. Jackson, Kurt Russell, Jennifer Jason Leigh, Walton Goggins.

Imagine oito pessoas, com histórias de vida barra pesada, reunidas num único local, se abrigando durante uma nevasca. Assim é o encontro entre um carrasco (Kurt Russel), a prisioneira que ele conduz (Jennifer Jason Leigh), um caçador de recompensas (Samuel L. Jackson), um xerife (Walton Goggins) e mais quatro desconhecidos que já estão abrigados no pequeno Armazém da Minnie. Impossibilitados de seguir viagem, esses oito tipos sociais distintos são obrigados a conviver e estabelecem um verdadeiro duelo a partir de suas histórias sangrentas.

Quanto de verdade se diz? Quanto de mentira?

Osoito

A reunião desses “odiados” garante toda violência esperada, num jogo onde cada um possui segredos terríveis e uma história tão cruel quanto a do outro, até o momento em que eles próprios começam a se digladiarem. É como estar diante de um ringue sem ter para quem torcer, num festival de terror à flor da pele, que literalmente tira o fôlego.

A trilha sonora do filme, ganhadora do Oscar, é de Ennio Morricone e cria o climax exato para envolver o espectador na história, contada através de flashbacks, muito exagero e com reviravoltas surpreendentes.

Texto: Thais Guimarães

Veja mais sobre Os Oito Odiados em: https://ewmix.com/filme/13073/os-oito-odiados

Trailer:

Comente este artigo