Imperdível – Nise: O Coração da Loucura

O filme é uma lição de humanidade que cala fundo no coração, baseado na história real da psiquiatra Nise da Silveira, interpretada de forma tocante por Glória Pires.

Apesar do tema parecer pesado, o filme adota a linha da leveza, com uma narrativa ficcional, exatamente para envolver o espectador.

A história retrata um período específico na vida da Dra Nise da Silveira, mostrando seu retorno ao trabalho no Hospital Psquiátrico do Engenho de Dentro (RJ), após sete anos afastada da profissão. Ao chegar no hospital, os médicos apresentam-lhe as novas técnicas que estão sendo usadas no tratamento dos doentes mentais : o eletrochoque e a lobotomia. Ela se recusa a praticar procedimentos tão violentos, passa a ser criticada pelos demais médicos e acaba sendo relegada à chefia de uma área inexpressiva de tratamento, chamada “Terapia Ocupacional”, que funcionava num espaço sem a menor estrutura, com enfermeiros sem o menor preparo para o setor, agindo até com certa truculência.

3

Mas, essa foi a grande oportunidade para a Dra. Nise desenvolver um trabalho inovador, que foi reconhecido não só no Brasil, mas internacionalmente, pela grande força humana de tentar compreender a doença mental e de buscar um tratamento digno para os pacientes.
Ela consegue, com muita luta, reunir um grupo de internos, os quais ela chama de “clientes”, e juntamente com uma equipe reduzida do hospital e de poucos voluntários, inicia um verdadeiro processo terapêutico através do uso da arte e do convívio com animais, como parte do tratamento de pessoas que estavam completamente desintegradas do âmbito social. Aos poucos, os doentes mentais vão conseguindo expressar sua realidade interior, se conectando com a realidade exterior, uns saindo de uma total letargia e outros suavizando sua agressividade.

2

A técnica proposta pela Dra Nise abriu um novo caminho de tratamento da doença mental, onde os chamados “loucos” passaram a ser tratados como seres humanos – daí o título do filme: Coração da Loucura.

O mais interessante é que dentre os vários pacientes tratados pela Dra Nise, foram revelados alguns talentos, artistas plásticos natos, que ganharam notoriedade pelas obras produzidas no processo terapêutico, integrando exposições no Brasil e no exterior.

4
Vale destacar que as filmagens foram feitas dentro do próprio hospital.

É um filme que agrada a públicos de diversos gostos, por privilegiar as relações humanas, sem divagações intelectuais. Além disso, tem um final positivo, mostrando a história de uma mulher vencedora, pois a Dra. Nise vislumbrou um futuro no tratamento da “loucura”, enfrentou resistências e, de forma aguerrida, lutou pelo seu sonho, se impondo por seu maravilhoso trabalho.

 

5

Nise: O Coração da Loucura está disponível para venda em DVD na eWmix com entrega prevista 27/07, garanta o seu em ewmix_logo

Texto: Thaís Guimarães

Comente este artigo