Bumblebee – o Autobot mais adorado do mundo!

O ano é 1987. Bumblebee – um fusca amarelo e aos pedaços, machucado e sem condição de uso, vive refugiado num ferro-velho em uma pequena cidade praiana da Califórnia.

É encontrado e consertado pela jovem Charlie (Hailee Steinfeld), às vésperas de completar 18 anos. Só quando “Bee” ganha vida, ela enfim nota que seu novo amigo é bem mais do que um simples automóvel.

Seguindo a franquia dos grandes sucessos de Transformes o filme tem início durante a guerra em Cybertron, onde Bumblebee e seus companheiros rebeldes devem fugir dos Decepticons.

Optimus Prime mantém os Decepticons distraídos, enquanto Bumblebee e os outros Autobots podem escapar de Cybertron e fugir para lugares seguros ao redor da galáxia.

05 Bumblebee

Bumblebee, em particular, recebe a tarefa de se dirigir à Terra e proteger o planeta dos Decepticons, de modo que os rebeldes possam se reagrupar e eventualmente recuperar sua casa em Cybertron.

No entanto, a chegada de Bumblebee na terra é problemática quando ele encontra um grupo de soldados norte-americanos liderados por Jack Burns (John Cena), que imediatamente ordena que os Autobot sejam caçados e destruídos.

A garota Charlie, cujo pai faleceu tragicamente e lhe deixou de herança o interesse por automóveis, encontra um Bumblebee mudo e desmemoriado.

null

Dirigido por Travis Knight (Kubo e as Duas Cordas) e roteiro de Christina Hodson, Bumblebee traz a franquia Transformers de volta às suas raízes. Permite que o filme ignore a continuidade dos cinco filmes anteriores e é, sem dúvida, considerado pela crítica o melhor deles.

É uma lufada de ar fresco, pois se concentra mais em seus personagens centrais, na história de amizade entre uma humana e um robô.  Aproveitando a ambientação na década de 80, segue a fórmula de obras como ET: O Extra-Terrestre religiosamente, encontrando algum espaço para encaixar grandes – mas nunca inchadas – sequências de ação no meio de uma história sentimental.

04 Bumblebee.jpg

A história ocorre de forma coerente e livre de excessos, e a equipe de efeitos especiais está de parabéns pelo trabalho. As cenas de interação de Bee com Steinfeld e outros atores é de uma realidade fora do comum.

Knight nos surpreende com um espetáculo visual e sonoro de qualidade. Consegue registrar a pancadaria robótica sempre com clareza, não importando a quantidade de elementos em tela. Trabalha melhor o uso de estereoscopia, seja numa troca de tiros e mísseis ou numa simples cena na qual a protagonista escova seus dentes.

Bumblebee é uma fantástica experiência de visualização para os fãs de Transformers. Um filme dinâmico com garantia certa de boas risadas e um ótimo presente para a criançada e os seus pais assistirem juntos!

Já esta disponível na  ewmix

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s